Autocaravanas

História do Autocaravanismo (Exclusivo IC)

Foi com esse conceito que a Wesfalia criou, com base no Volkswagen Bulli, o primeiro furgão-caravana. O conceito era excelente e rapidamente se tornou no sonho de muita gente. Era a época pós-reestruturação da Grande Guerra, altura de gozar a liberdade.

Durante a década de 50, os maiores inconvenientes eram os fracos desempenhos das viaturas nas longas distâncias. Durante os anos 60, os hippies pegavam em carrinhas VW e iam para a Califórnia. O Pão de Forma tornava-se numa Autocaravana de movimentos e de mobilidade.

Mais tarde, no inicio dos anos 70, com a introdução do WC e outros confortos, começou-se a olhar para este tipo de mobilidade com outras perspectivas, ao ponto de lhe chamar – AUTOCARAVANA.

Os tempos são de mudança, a década de 80 traz grandes mudanças. Em 1982, o fabricante Dethleffs usou o Chassis Fiat Ducato para iniciar o fabrico da primeira Autocaravana propriamente dita.
A Fiat Ducato tornou-se então o chassis mais popular entre os fabricantes de Autocaravanas. Crê-se que já foram construídas mais de mais de 350.000 Autocaravanas sobre esta plataforma.

Instaladas as funcionalidades básicas, começa a pensar-se em conforto: marcas como a Hymer, Niesmann conferem ao autocaravanismo luxo e prazer. Em 1984, a Hobby lança a autocaravana perfilada, a Hobby 600, um conceito que veio revolucionar o marcado. Fabricantes Alemães, Italianos e Franceses estavam na linha da frente do mercado.

Seguiram-se outros grandes avanços tecnológicos como tornar estanque a célula. A Karmann lançou em 1986 a primeira Autocaravana capuchinho em GfK. A firma Bürstner lançou em 1987 a Autocaravana semi-perfilada, excelente para percursos de longa distância.
A década termina com uma autocaravana marcante a Knaus Traveller, sobretudo pelo design e pela forma ‘bonita’ do conceito de férias.

Os anos 90 trouxeram novos desenvolvimentos ao nível da leveza dos chassis, nas tecnologias eléctricas, mais fiáveis e seguras, bem como maiores desempenhos nos motores, principalmente as viaturas equipadas com turbo-diesel.

Atualmente, existem mais de 150 fabricantes, o que conduz a uma concorrência mais aberta e proveitosa para o Autocaravanista. Para além da Fiat Ducato, também outras motorizações entraram no mercado e em força, como a Ford Transit, a Iveco Daily, a Mercedes MB100 e Renault Master, as mais destacadas.

O mercado evoluiu e trouxe novas ideias para cativar o publico mais jovem e as famílias. A Autocaravana deixou de ser branca ou creme e passou a ter cores garridas, novos designs, publicidade e marketing convincentes e novas tecnologias.

As Autocaravanas modernas são veículos confortáveis, ecológicos, tecnologicamente avançados e destinados a proporcionar importantes mais-valias às vivências dos seus utilizadores.

380798_243547825710454_206857886_n
old
new

Pesquisa & Texto: Exclusivo Intercaravanas

Acerca do Autor...

Sugestões relacionadas

Avaliar este local

Avaliar este local

O seu endereço não será exposto